Simples Ana


"...quero só te falar uma coisa...

pode ser no ouvido??rss

ai (respirando fundo) ai (mais ainda) ai..."

 

 

"...amar vc é bom demais...

o resto é maisss..."



Postado por: Simples Дหα às 13h37
| envie esta mensagem [link]



Eu

Eu triste sou calada
Eu brava sou estúpida
Eu lúcida sou chata
Eu gata sou esperta
Eu cega sou vidente
Eu carente sou insana
Eu malandra sou fresca


Eu seca sou vazia
Eu fria sou distante
Eu quente sou oleosa
Eu prosa sou tantas
Eu santa sou gelada
Eu salgada sou crua
Eu pura sou tentada
Eu sentada sou alta
Eu jovem sou donzela
Eu bela sou fútil
Eu útil sou boa
Eu à toa sou tua".

 

Martha Medeiros



Postado por: Simples Дหα às 13h29
| envie esta mensagem [link]



Tulipas

 

As tulipas são originárias da Turquia. O nome foi inspirado na palavra "tulipan" que significa "turbante". Delicada e elegante assim é a tulipa, existem em diversas cores. Normalmente um vaso de tulipas sobrevive de 5 dias a uma semana.

 

...eu adoro tulipas...



Postado por: Simples Дหα às 13h25
| envie esta mensagem [link]



Indivisíveis

 

O meu primeiro amor e eu sentávamos numa pedra
Que havia num terreno baldio entre as nossas casas.
Falávamos de coisas bobas,
Isto é, que a gente achava bobas
Como qualquer troca de confidências entre crianças de cinco anos.
Crianças...
Parecia que entre um e outro nem havia ainda separação de sexos
A não ser o azul imenso dos olhos dela,
Olhos que eu não encontrava em ninguém mais,
Nem no cachorro e no gato da casa,
Que tinham apenas a mesma fidelidade sem compromisso
E a mesma animal - ou celestial - inocência,
Porque o azul dos olhos dela tornava mais azul o céu:
Não, não importava as coisas bobas que diséssemos.
Éramos um desejo de estar perto, tão perto
Que não havia ali apenas duas encantadas criaturas
Mas um único amor sentado sobre uma tosca pedra,
Enquanto a gente grande passava, caçoava, ria-se, não sabia
Que eles levariam procurando uma coisa assim por toda a sua vida...


Mário Quintana
(1906-1994)



Postado por: Simples Дหα às 13h18
| envie esta mensagem [link]



"....Não sei olhar sem você
Eu só tenho olhar pra você
Eu só sei olhar pra você...
Só sei olhar pra você
Eu não sei olhar..."

 



Postado por: Simples Дหα às 14h04
| envie esta mensagem [link]



Desatando Nós...

 

 

 Que tal a gente tomar coragem para desatar os nós que amarram nossas vidas?

 

Pelo menos, podemos tentar...

 

Hábitos são verdadeiros " nós cegos "...

 

Não se sabe onde começam, nem como terminam...
Atrás dos hábitos se escondem nossas verdadeiras carências afetivas.
E os hábitos que foram criados para compensá-las, acabam por nos impedir de que as enxerguemos com clareza. Que nó danado!!!
Aí, a pessoa se apressa, faz aquele regime maluco e consegue perder até a alma ...
ou pára de fumar aqueles três maços de cigarros do dia, ou de beber a dose da noite ... até se afasta daquela pessoa que só traz dores de cabeça...
Que maravilha !!!
...Mas, passado um tempo, volta tudo a ser como antes...
E o nó vai ficando pior ainda, né?
De tudo que tenho visto, o mais interessante e simples a seguir é a receita:

 

Sim a Receita do Nenê...

 

* É fácil... Acordar cantando...(não vale chorar nem acordar a casa toda, né? ).
* Espreguiçar-se muito, antes de se levantar da cama... (ainda lembra o que é ???)
* Pegar todo dia o solzinho da manhã, de preferência, acordando mais cedo para uma caminhada sem pressa...
* Mostrar que quem a gente ama é muito importante para nós...
* Pedir colinho, sempre que possível (às vezes, a gente tem que dar também).
* Beber muita água e fazer muito "xixi"
* Fazer primeiro, para receber depois: Muito dengo e carinho...
* Confiar e amar quem a gente ama, cada vez mais...
* Ignorar todos os chatos que não gostam de criança, de flor, de carinho, (de e-mail !!!), e de nós...
* Dar atenção a todos que se aproximam de nós, mesmo a quem acabamos de conhecer.
* Adorar ouvir o que as pessoas (que a gente ama) falam e respeitar o que fazem...
* Sorrir para todos e para a gente mesmo...
* E rir, rir, mas rir muito,sempre que não tiver motivo para chorar...

 

Quer experimentar ?!? Depois de um tempo, você vai esquecer...
Ou perguntar:

 

Cadê o Nó...???

 

...desconheço autoria...



Postado por: Simples Дหα às 13h57
| envie esta mensagem [link]



 

"...Nunca deixe que:
a saudade sufoque;
que a rotina acomode;
que o medo o impeça de tentar..."



Postado por: Simples Дหα às 08h34
| envie esta mensagem [link]



Amor Verdadeiro


 

Amor verdadeiro, amor sem palavras
Que chega sem medo, que não se acaba
Deus abençoe todo esse amor
Que seja lindo em teu coração
Porque em mim, eu sei...amo você

 

Amor verdadeiro, amor que acalma
Que bate no peito, preenche a falta
Deus abençoe todo esse amor
Que seja lindo em teu coração
Porque em mim, eu sei...amo você

 

Catedral



Postado por: Simples Дหα às 08h33
| envie esta mensagem [link]



 

Se tu me amas, ama-me baixinho...

 

Não o grites de cima dos telhados
Deixa em paz os passarinhos
Deixa em paz a mim!
Se me queres, enfim,
tem de ser bem devagarinho, Amada,
que a vida é breve, e o amor mais breve ainda ...

 

Mário Quintana



Postado por: Simples Дหα às 14h49
| envie esta mensagem [link]



Silêncio...

 

É no meu silêncio que te amo.
Calmaria que busco quando
Paro para pensar em ti.
Encontro-me no teu sorriso
Que fascina.
Fecho os olhos... Ouço tua voz...
Nítida presença.
Aqui perto... Colado ao meu sentimento.
Coração obediente espera por ti.
Certeza do amor que rompe
barreiras...Tão lindo te vejo.
Razão do meu mais puro desejo.
E vou assim te encontrando em cada Gesto.
Dedos roçando lábios...
São carícias tuas...
Sinto-te intenso.
Amo-te no meu silêncio...

 

Cida Luz



Postado por: Simples Дหα às 14h47
| envie esta mensagem [link]



Ficaram três coisas...

 

A certeza de que estamos começando...
A certeza de que é preciso continuar...
A certeza de que podemos ser interrompidos antes de terminar...

 

Façamos da interrupção um caminho novo...
Da queda, um passo de dança...
Do medo, uma escada...Do sonho, uma ponte...
Da procura, um encontro!

 


Fernando Sabino



Postado por: Simples Дหα às 11h49
| envie esta mensagem [link]



Caio Fernando Abreu

"Tento me concentrar numa daquelas sensações antigas
como alegria ou fé ou esperança.
Mas só fico aqui parada, sem sentir nada,
sem pedir nada, sem querer nada."
"Parece incrível ainda estar viva quando já não se acredita em mais nada.
Olhar, quando já não se acredita no que se vê.
 E não sentir dor nem medo porque atingiram seu limite.
E não ter nada além deste amplo vazio que poderei preencher
como quiser ou deixá-lo assim, sozinho em si mesmo, completo, total.
 Até a próxima morte..."

 

"Essa morte constante das coisas é o que mais dói..."

 

 

"Fico me perdendo em páginas de diários, em pensamentos e temores, e o tempo vai passando. Covardia é uma palavra feia. Receio de enfrentar a vida cara a cara. Descobri que não me busco ou, se me busco, é sem vontade nenhuma de me achar, mudando o caminho cada vez que percebo uma luz. Fuga, o tempo todo fuga, intercalada por períodos de reconhecimento."

 

"Quero ser eu mesma. Será difícil? Com tudo de mau que isso possa trazer. (...) É preciso agora concretizar a idéia: tirá-la dos limites do pensamento, arrancá-la apenas do papel e torná-la um pedaço de mim, decisão cravada no corpo."



Postado por: Simples Дหα às 11h47
| envie esta mensagem [link]



Eternamente sua

 

Serei eternamente sua pois,
só tu conheces meu cheiro,
meu gosto e meu corpo.
Tu podes me magoar,
me fazer calar e,
ainda assim serei eternamente sua.
Deixarei que beijes outras bocas,
que toques outros corpos,
que sintas o prazer de outros gemidos
e que conheças o íntimo de outros seres.
Deixarei.
Para ter a certeza de que
voltarás e que entenderás que
quando beijaste outra boca
– era a minha que tu querias,
que quando tocaste outro corpo
– era o meu que querias tocar,
que quando sentiste o prazer de outro gemido
– era o meu que querias sentir e, que,
finalmente, quando conheceste
o interior de outro ser
– era o meu interior que tu buscavas
em tuas infinitas procuras.
Deixarei-te livre, para teres a certeza
de que és meu e, assim voltar
com a certeza de que ficarás.
E então, depois de tantas buscas infindas suas,
revelarei-te que estava a sua espera,
assim como sempre estive.
E seremos eternamente nós.

 

Tatiana V. Mattos 

 



Postado por: Simples Дหα às 16h41
| envie esta mensagem [link]



Ana Paula Mangeon

 

Vá lá, não me cobre certezas,
metas, planos para o futuro.
Quem lhe deu essa convicção
de que o futuro não há de nascer morto,
de não vir.
Consente-me a descoberta e,
quem sabe, eu lhe descortino qualquer cegueira
ou quimera ou lhe faço alguma revelação.
Dê-me sua licença para que eu chore em silêncio
Eu quero conhecer que som vem de minhas lágrimas.

 

Não seja egoísta!
Permita-me que eu me perca de mim ao menos uma vez
para que eu me encontre.

 

E uma vez encontrada, venha me buscar.

 



Postado por: Simples Дหα às 09h08
| envie esta mensagem [link]



Alex Zini

Quem sabe agora seja aquele
Somente aquele sentimento sem medo
Nada mais que um simples toque no coração
Quem sabe agora o norte aponte certo

 

Vivo agora pra frente
Entro em meu espaço querendo estar em outrem
Nenhum outro lado é espaço importante

 

Ah! eu sei que existe mesmo aquele
Está no espaço, no meu espaço, quem sabe
Acredito sentindo o frio que traz com ele

 

Aproxime-se se lhe faz feliz
Porque o medo não faz morada
Não suporta o frio
E não se aquece com o fervor

 



Postado por: Simples Дหα às 09h06
| envie esta mensagem [link]



Clarice Lispector

 

"Há três coisas para as quais eu nasci
e para as quais eu dou minha vida.
Nasci para amar os outros,
nasci para escrever,
e nasci para criar meus filhos.


O "amar os outros" é tão vasto
que inclui até perdão para mim mesma,
com o que sobra.
As três coisas são tão importantes
que minha vida é curta para tanto.
Tenho que me apressar, o tempo urge.
Não posso perder um minuto do tempo que faz
minha vida.
Amar os outros
é a única salvação individual que conheço:
ninguém estará perdido se der amor e
às vezes receber amor em troca (...)"

 



Postado por: Simples Дหα às 09h05
| envie esta mensagem [link]



.:: Blog...Simples Дหa ::.




.:: Sonhando você ::.


 


...hoje eu sonhei tuas mãos.. percorrendo minha pele, em suores e saliva tempestuoso e apressado... levando meu corpo ao delirio integral boca e língua não eram suficientes... usou truques e pecadores atrevimentos... hummm... vem??.


E eu busco tua boca, teu cheiro, tua pele... Busco na imensidão do vazio... Do desejo inconseqüente... Dos atropelos que a vida impõe...nos impõe... E você...simplesmente não vem...

Ana...

UOL


.:: Outros ::.








 


.:: Histórico ::.

10/05/2009 a 16/05/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
19/04/2009 a 25/04/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
01/02/2009 a 07/02/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
28/12/2008 a 03/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
12/10/2008 a 18/10/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
07/09/2008 a 13/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
24/08/2008 a 30/08/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
29/06/2008 a 05/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
20/04/2008 a 26/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
02/03/2008 a 08/03/2008
10/02/2008 a 16/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
09/12/2007 a 15/12/2007
18/11/2007 a 24/11/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
04/11/2007 a 10/11/2007



 


.:: Links de Poemas e Poesias ::.

Ana €!¡sa Poes¡as
Simplesmente Ana...
Parte de Mim
Olhando Estrelas
ð¡n
Teu Olhar no Meu...
Blog do Serelepe
Juliana Poesias
Blog de Pensamento Liberal
Pensamento Liberal


.:: Links de Músicas ::.

†Annihilator†






Prece Irlandesa

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de tuas mãos!"


.:: Votação ::.

Dê uma nota para meu blog



.:: Link-me ::.




.:: Indicação ::.

Clique aqui para me indicar






.:: E-mail ::.

E-mail


Imagens, textos, poemas e poesias são copiados da Net, respeitando-se os autores... Se algum texto ou imagem estiver sem e você souber a autoria, escreva e serão creditados...
Obrigada...
Simples Дหα





Que importa se a distância estende entre nós léguas e léguas
Que importa se existe entre nós muitas montanhas?
O mesmo céu nos cobre
E a mesma terra Iiga nossos pés.
No céu e na terra é tua carne que palpita
Em tudo eu sinto o teu olhar se desdobrando
Na carícia violenta do teu beijo.
Que importa a distância e que importa a montanha
Se tu és a extensão da carne
Sempre presente?

Drumond



eu quero sentir o gosto dos seus lábios
e guardar o sabor desse sonho
eu quero mergulhar nos seus olhos
e beber cada gota desse olhar
eu quero sentir a sua pele
e tocar na sua alma
eu quero parar de escrever
e viver
...da...





Tu, somente tu
irás converter a neve
em dia azul
basta um olhar
e gelo pega fogo
meu estado é luz
num outro mundo
em todo lugar
eu me sentirei
infindo por te amar
a sensação
é de poder tudo
e ter amor
por todo mundo

Djavan