Simples Ana


Nem seu nome eu sei...

 

Eu estava de costas quando por mim você passou.

 

Mesmo assim num relance vi seu sorriso.
Não quis voltar e ver melhor porquê fiquei com medo.
Eu conhecia essa boca, embora fosse a primeira vez que a visse.
Sim! eu conhecia esse sorriso!  a tempos me persegue.
É  o mesmo que teimosamente se infiltra em meus devaneios.
 
 
Não podia de repente acreditar que ele existe, que agora se tornou real!
Continuei ali mais um pouco e esperei que você se fosse, mas  . . . você permaneceu!
Finalmente criei coragem e lhe encarei, afinal você não parava de me olhar e quando finalmente, juntamente nos fitamos, eu percebi!
Eu percebi que perturbamos um ao outro!
 
 
Você foi mais extrovertido e não disfarçou a atração que lhe inflamou.
Eu me segurei, dei uma volta e sentei-me num canto.
E os nossos olhos se falaram!
Você não resistiu e aproximou-se.
Lembro com exatidão a sua primeira frase mas . . . não vou repetí-la.
Ela está dentro de mim e não quero que saia.
 
 
Não sabia o que dizer, afinal, estava um tanto assustada!
Se eu quisesse poderia ser amada, pois você se ofereceu!
Não foi fácil resistir, mas entenda, foi preciso, sempre deixo a voz do juízo falar mais alto do que o coração!
Contudo, foi muito bom ver você se interessar.
É curioso notar a amizade que brotou além da grande atração!
Você confiou-me segredos, falou de mágoas e frustrações, falou de algumas paixões etc e tal.
 
 
Você nem sabe quem sou e mesmo assim me amou no momento em que me viu! e nem precisava dizer, eu sabia eu pude ver, seu jeito revelou!
Perdoe-me deixá-lo sozinho mas . . . você, para mim, é espinho! só iria me machucar
 Contudo, obrigada querido! valeu a emoção do momento.
Será que algum dia o verei?
É estranho pensar num estranho pois . . .
Nem seu nome, eu sei.
 
 
Irani Alves de Genaro


Postado por: Simples Дหα às 13h19
| envie esta mensagem [link]



 

"(...)Silêncio que nutre a alma de bons sentimentos
e que dá coragem para compartilhar os bons sentimentos.
Silêncio que é rico e iluminador.
Silêncio que permite refletir
e compreender um pouco deste mistério que é a vida.
Silêncio - o seu - que convida-me a te entender,
a me preocupar, a estar do seu lado."

 

 Renato Bueloni

 

...escute no meu silêncio, palavras que só você consegue decifrar...



Postado por: Simples Дหα às 14h11
| envie esta mensagem [link]



Viver é muito fácil,
porque meço a partir de ti o norte e o sul.
Basta que existas
para que os meridianos se arrumem
e os oceanos não transbordem.

 

 Teolinda Gersão



Postado por: Simples Дหα às 14h06
| envie esta mensagem [link]



 

 

Saudade é como o vento...
Que bate na alma revelando,
As pegadas acobertadas pela dor!
Singrando lembranças, de um amor!

 

Tristeza é o orvalho traduzido...
Em aceno, a perfídia ilusão...
De promessas vazias, esquecidas...
Na esperança deste ingrato coração!

 

Prelúdio de sofrimentos.
Abrindo trilhas sinuosas...
Que persistem na memória.

 

Irradiando sofrimento.
Numa fantasia de delírios...
Onde a vida perde o seu brilho!


Thomaz Barone Neto



Postado por: Simples Дหα às 14h04
| envie esta mensagem [link]



...Fecho os olhos pra não ver passar o tempo...
Sinto falta de você...

 

Roberto Carlos



Postado por: Simples Дหα às 12h27
| envie esta mensagem [link]



 

"... Num deserto de almas também desertas, uma alma especial reconhece de imediato a outra — talvez por isso, quem sabe? Mas nenhum se perguntou.

 

Não chegaram a usar palavras como "especial", "diferente" ou qualquer coisa assim. Apesar de, sem efusões, terem se reconhecido no primeiro segundo do primeiro minuto...

 

... Mas desde o princípio alguma coisa — fados, astros, sinas, quem saberá? conspirava contra (ou a favor, por que não?) aqueles dois.

 

... para não sentirem tanto frio, tanta sede, ou simplesmente por serem humanos, sem querer justificá-los — ou, ao contrário, justificando-os plena e profundamente, enfim: que mais restava àqueles dois senão, pouco a pouco, se aproximarem, se conhecerem, se misturarem? Pois foi o que aconteceu. Tão lentamente que mal perceberam."

 

Caio Fernando de Abreu



Postado por: Simples Дหα às 12h24
| envie esta mensagem [link]



...aiii, vontade de te "tirar" para dançar...

...vem logo...demorando...



Postado por: Simples Дหα às 13h43
| envie esta mensagem [link]



 

É a mesma a ruazinha sossegada.
Com as velhas rondas e as canções de outrora...
E os meus lindos pregões da madrugada
Passam cantando ruazinha em fora!

 

Mas parece que a luz está cansada...
E, não sei como, tudo tem, agora,
Essa tonalidade amarelada
Dos cartazes que o tempo descolora...

 

Sim, desses cartazes ante os quais
Nós às vezes paramos, indecisos...
Mas para quê?... Se não adiantam mais!...

 

Pobres cartazes por aí afora
Que inda anunciam: - Alegrias - Risos
Depois do Circo já ter ido embora!...

 

Mario Quintana



Postado por: Simples Дหα às 13h40
| envie esta mensagem [link]



.:: Blog...Simples Дหa ::.




.:: Sonhando você ::.


 


...hoje eu sonhei tuas mãos.. percorrendo minha pele, em suores e saliva tempestuoso e apressado... levando meu corpo ao delirio integral boca e língua não eram suficientes... usou truques e pecadores atrevimentos... hummm... vem??.


E eu busco tua boca, teu cheiro, tua pele... Busco na imensidão do vazio... Do desejo inconseqüente... Dos atropelos que a vida impõe...nos impõe... E você...simplesmente não vem...

Ana...

UOL


.:: Outros ::.








 


.:: Histórico ::.

10/05/2009 a 16/05/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
19/04/2009 a 25/04/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
01/02/2009 a 07/02/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
28/12/2008 a 03/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
12/10/2008 a 18/10/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
07/09/2008 a 13/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
24/08/2008 a 30/08/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
29/06/2008 a 05/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
20/04/2008 a 26/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
02/03/2008 a 08/03/2008
10/02/2008 a 16/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
09/12/2007 a 15/12/2007
18/11/2007 a 24/11/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
04/11/2007 a 10/11/2007



 


.:: Links de Poemas e Poesias ::.

Ana €!¡sa Poes¡as
Simplesmente Ana...
Parte de Mim
Olhando Estrelas
ð¡n
Teu Olhar no Meu...
Blog do Serelepe
Juliana Poesias
Blog de Pensamento Liberal
Pensamento Liberal


.:: Links de Músicas ::.

†Annihilator†






Prece Irlandesa

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de tuas mãos!"


.:: Votação ::.

Dê uma nota para meu blog



.:: Link-me ::.




.:: Indicação ::.

Clique aqui para me indicar






.:: E-mail ::.

E-mail


Imagens, textos, poemas e poesias são copiados da Net, respeitando-se os autores... Se algum texto ou imagem estiver sem e você souber a autoria, escreva e serão creditados...
Obrigada...
Simples Дหα





Que importa se a distância estende entre nós léguas e léguas
Que importa se existe entre nós muitas montanhas?
O mesmo céu nos cobre
E a mesma terra Iiga nossos pés.
No céu e na terra é tua carne que palpita
Em tudo eu sinto o teu olhar se desdobrando
Na carícia violenta do teu beijo.
Que importa a distância e que importa a montanha
Se tu és a extensão da carne
Sempre presente?

Drumond



eu quero sentir o gosto dos seus lábios
e guardar o sabor desse sonho
eu quero mergulhar nos seus olhos
e beber cada gota desse olhar
eu quero sentir a sua pele
e tocar na sua alma
eu quero parar de escrever
e viver
...da...





Tu, somente tu
irás converter a neve
em dia azul
basta um olhar
e gelo pega fogo
meu estado é luz
num outro mundo
em todo lugar
eu me sentirei
infindo por te amar
a sensação
é de poder tudo
e ter amor
por todo mundo

Djavan