Simples Ana


A princesa Nola

Essa mensagem em especial a uma linda A Canção...

 

...Apenas pedi a Deus com amor que desse ao rei o que lhe faltava. E quando pedimos com amor, nem mesmo Deus pode nos negar, pois, sendo Ele o amor, como poderia contrariar o Seu próprio pedido?...

 


 Havia uma linda princesa chamada Nola. Todos os dias, quando o sol estava para se pôr,
ela cantava em gratidão por mais um dia. E todo o reino silenciava para ouvir sua linda canção.
Todos sentiam uma grande paz.

 

As crianças amavam a voz de Nola. A sua voz era um símbolo de amor dentro do reino.
Um dia, a voz de Nola silenciou. Nola não conseguia falar e nem cantar, e ninguém sabia o porquê.
O rei muito preocupado, pediu ajuda a todos os sábios do reino na tentativa de recuperar a voz de Nola.

 

Alguns traziam receitas caseiras, ervas consideradas milagrosas, outros a oravam. Mas nada surtia efeito e, assim, o reino caiu em profunda tristeza. As tardes já não eram tão especiais sem o canto de Nola.

 

E o tempo foi passando...

 

Nola não era mais vista ao entardecer, e o rei estava em prantos pela dor de sua filha.
Numa noite fria, o rei ouviu batidas na porta do castelo e ele próprio foi abri-la. Quando viu um pobre mendigo a pedir por comida: Senhor dá-me de comer, tenho muita fome.
O rei, vendo o pobre homem, ordenou que dessem de comer ao mendigo.
E então o mendigo disse ao rei: és um homem tão bondoso! Deste-me de comer quando eu mais precisava. Como posso retribuir tamanha generosidade?
E o rei, tristonho, olhou para a noite fria e disse: Não há nada que possas fazer. O meu maior desejo, ninguém pode realizar. Vá com Deus.

 

E assim, o mendigo saiu do castelo muito agradecido.
No dia seguinte o Rei ouviu sua filha chamá-lo. Subiu às pressas a escadaria do castelo e não acreditou ao ver que Nola havia recuperado sua voz.
E o reino inteiro festejou pelo milagre ocorrido com Nola. Poderiam ouvir sua voz ao entardecer e os dias seriam felizes novamente.
E o rei, em sua tamanha alegria, começou a questionar quem teria feito tal milagre. Foi quando lembrou-se do mendigo que havia estado em seu castelo na noite anterior. Ele tinha um olhar diferente quando falou em retribuir ao rei pela comida dada.
Sim, procurem aquele homem, por que se foi ele quem fez tal milagre, devo agradecer-lhe.
E então, saíram em busca do mendigo e o encontraram na floresta:
- És o mendigo que o rei procura?
E o mendigo falou: - Como está o rei?
Então és tu quem realizou o milagre?
Como conseguiste?
Nada fiz senhor.

 

Apenas pedi a Deus com amor que desse ao rei o que lhe faltava. E quando pedimos com amor, nem mesmo Deus pode nos negar, pois, sendo Ele o amor, como poderia contrariar o Seu próprio pedido?

 


“Escreva suas mágoas em areia, sua gratidão em mármore”. - Benjamin Franklin



Postado por: Simples Дหα às 11h32
| envie esta mensagem [link]



O sábio e a Borboleta


Havia um pai que morava com suas duas jovens filhas, meninas muito curiosas e inteligentes.
Suas filhas sempre lhe faziam muitas perguntas.
Algumas ele sabia responder, outras não fazia a mínima idéia da resposta.
Como pretendia oferecer a melhor educação para suas filhas, as enviou para passar as férias com um velho sábio que morava no alto de uma colina.
Este, por sua vez, respondia todas as perguntas sem hesitar.

 

Já muito impacientes com essa situação, pois constataram que o tal velho era realmente sábio, resolveram inventar uma pergunta que o sábio não saberia responder.

 

Passaram-se alguns dias e uma das meninas apareceu com uma linda borboleta azul e exclamou para a sua irmã:
- Dessa vez o sábio não vai saber a resposta!
- O que você vai fazer? - perguntou a outra menina.
- Tenho uma borboleta azul em minhas mãos.

 

Vou perguntar para o sábio se a borboleta está viva ou morta.

Se ele disser que ela está morta, vou abrir minhas mãos e deixá-la voar para o céu.

Se ele disser que ela está viva, vou apertá-la rapidamente, esmagá-la e assim matá-la.

Como conseqüência, qualquer resposta que o velho nos der vai estar errada.

As duas meninas foram, então, ao encontro do sábio, que encontrava-se meditando sob um eucalipto na montanha.

 

A menina aproximou-se e perguntou:
Calmamente o sábio sorriu e respondeu:
- Depende de você... ela está em suas mãos.

 

Assim é a nossa vida, é o nosso presente e o nosso futuro.
Não devemos culpar ninguém porque algo deu errado.
O insucesso é apenas uma oportunidade de começar novamente com mais inteligência.
Somos nós os responsáveis por aquilo que conquistamos ou não.
Nossa vida está em nossas mãos --- como uma borboleta azul.
Cabe a nós escolher o que fazer com ela, só a nós; não deixe ninguém interferir nisso.
Nunca !!!



Postado por: Simples Дหα às 15h32
| envie esta mensagem [link]



A serpente e o vagalume

 
Conta a lenda que uma vez uma serpente começou a perseguir um vagalume. Este fugia rápido, com medo da feroz predadora e a serpente nem pensava em desistir.

 

Fugiu um dia e ela não desistia, dois dias e nada... No terceiro dia, já sem forças, o vagalume parou e disse à cobra:

 

- Posso lhe fazer três perguntas ?
- Não costumo abrir esse precedente para ninguém, mas já que vou te devorar mesmo, pode perguntar...
- Pertenço à sua cadeia alimentar ?
- Não.
- Eu já te fiz algum mal ?
- Não.
- Então, por que você quer acabar comigo ?
- Porque eu não suporto ver você brilhar...

 



Postado por: Simples Дหα às 15h21
| envie esta mensagem [link]



.:: Blog...Simples Дหa ::.




.:: Sonhando você ::.


 


...hoje eu sonhei tuas mãos.. percorrendo minha pele, em suores e saliva tempestuoso e apressado... levando meu corpo ao delirio integral boca e língua não eram suficientes... usou truques e pecadores atrevimentos... hummm... vem??.


E eu busco tua boca, teu cheiro, tua pele... Busco na imensidão do vazio... Do desejo inconseqüente... Dos atropelos que a vida impõe...nos impõe... E você...simplesmente não vem...

Ana...

UOL


.:: Outros ::.








 


.:: Histórico ::.

10/05/2009 a 16/05/2009
03/05/2009 a 09/05/2009
26/04/2009 a 02/05/2009
19/04/2009 a 25/04/2009
01/03/2009 a 07/03/2009
22/02/2009 a 28/02/2009
15/02/2009 a 21/02/2009
08/02/2009 a 14/02/2009
01/02/2009 a 07/02/2009
25/01/2009 a 31/01/2009
18/01/2009 a 24/01/2009
11/01/2009 a 17/01/2009
28/12/2008 a 03/01/2009
21/12/2008 a 27/12/2008
14/12/2008 a 20/12/2008
07/12/2008 a 13/12/2008
30/11/2008 a 06/12/2008
23/11/2008 a 29/11/2008
16/11/2008 a 22/11/2008
09/11/2008 a 15/11/2008
02/11/2008 a 08/11/2008
26/10/2008 a 01/11/2008
19/10/2008 a 25/10/2008
12/10/2008 a 18/10/2008
05/10/2008 a 11/10/2008
28/09/2008 a 04/10/2008
21/09/2008 a 27/09/2008
14/09/2008 a 20/09/2008
07/09/2008 a 13/09/2008
31/08/2008 a 06/09/2008
24/08/2008 a 30/08/2008
17/08/2008 a 23/08/2008
10/08/2008 a 16/08/2008
03/08/2008 a 09/08/2008
27/07/2008 a 02/08/2008
20/07/2008 a 26/07/2008
13/07/2008 a 19/07/2008
06/07/2008 a 12/07/2008
29/06/2008 a 05/07/2008
22/06/2008 a 28/06/2008
15/06/2008 a 21/06/2008
08/06/2008 a 14/06/2008
25/05/2008 a 31/05/2008
18/05/2008 a 24/05/2008
04/05/2008 a 10/05/2008
20/04/2008 a 26/04/2008
30/03/2008 a 05/04/2008
16/03/2008 a 22/03/2008
02/03/2008 a 08/03/2008
10/02/2008 a 16/02/2008
27/01/2008 a 02/02/2008
06/01/2008 a 12/01/2008
30/12/2007 a 05/01/2008
09/12/2007 a 15/12/2007
18/11/2007 a 24/11/2007
11/11/2007 a 17/11/2007
04/11/2007 a 10/11/2007



 


.:: Links de Poemas e Poesias ::.

Ana €!¡sa Poes¡as
Simplesmente Ana...
Parte de Mim
Olhando Estrelas
ð¡n
Teu Olhar no Meu...
Blog do Serelepe
Juliana Poesias
Blog de Pensamento Liberal
Pensamento Liberal


.:: Links de Músicas ::.

†Annihilator†






Prece Irlandesa

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de tuas mãos!"


.:: Votação ::.

Dê uma nota para meu blog



.:: Link-me ::.




.:: Indicação ::.

Clique aqui para me indicar






.:: E-mail ::.

E-mail


Imagens, textos, poemas e poesias são copiados da Net, respeitando-se os autores... Se algum texto ou imagem estiver sem e você souber a autoria, escreva e serão creditados...
Obrigada...
Simples Дหα





Que importa se a distância estende entre nós léguas e léguas
Que importa se existe entre nós muitas montanhas?
O mesmo céu nos cobre
E a mesma terra Iiga nossos pés.
No céu e na terra é tua carne que palpita
Em tudo eu sinto o teu olhar se desdobrando
Na carícia violenta do teu beijo.
Que importa a distância e que importa a montanha
Se tu és a extensão da carne
Sempre presente?

Drumond



eu quero sentir o gosto dos seus lábios
e guardar o sabor desse sonho
eu quero mergulhar nos seus olhos
e beber cada gota desse olhar
eu quero sentir a sua pele
e tocar na sua alma
eu quero parar de escrever
e viver
...da...





Tu, somente tu
irás converter a neve
em dia azul
basta um olhar
e gelo pega fogo
meu estado é luz
num outro mundo
em todo lugar
eu me sentirei
infindo por te amar
a sensação
é de poder tudo
e ter amor
por todo mundo

Djavan